domingo, 2 de dezembro de 2007

LOVE - FOREVER CHANGES



"Passam neste mês de Novembro 40 anos desde a edição de Forever Changes (Elektra, 1967), a obra-prima dos californianos LOVE é presença habitual nos lugares cimeiros das listas dos "melhores de sempre", ombreando com discos da magnitude de Revolver (Beatles), Pet Sounds (Beach Boys), ou Marquee Moon (Television).

Obra maior do psicadelismo west coast, Forever Changes é o momento alto da carreira desta banda que soube marcar a diferença em relação aos seus pares: por contraponto ao folk rock dos Byrds, ou à pseudo-poesia cerimonial dos Doors, os Love produziam gemas pop onde, não raras vezes, os sopros mariachi davam um ar da sua graça.

Falar de Forever Changes é falar de Arthur Lee, anti-hippy assumido, figura carismática e conturbada até ao momento da sua morte há pouco mais de um ano que, com voz aveludada, entoava letras de um beleza extrema onde as referências sexuais eram uma constante. Além de frontman da banda, era também o seu principal compositor. Quis o destino que "Alone Again Or", uma das duas composições do guitarrista Bryan MacLean incluídas em Forever Changes, se tornasse a canção mais conhecida dos Love. No entanto, podem aqui encontrar motivos de sobra para a santificação de Arthur Lee enquanto compositor e intérprete: "A House Is Not A Motel", "Andmoreagain", "The Red Telephone", "You Set The Scene", e... todas as outras!

É para definir discos deste calibre que existe o adjectivo perfeito. A melhor forma de comemorar Forever Changes é ouvindo-o vezes sem conta. Durante a audição, apaguem a luzes e imaginem-se na imensidão de um deserto a contemplar o firmamento..."

Fonte April-Skies (Portugal)

Clicaki pra baixar
Em tempo: no fim desta página a raridade solo de
Arthur Lee "Vindicator".

13 comentários:

  1. Bem careta por que nao dizer brega com este nome love nao se podia esperar outra coisa pessimo gosto. tb nao gostei (ANDERSON) RG

    ResponderExcluir
  2. Queria que vc postasse o cd do rapasolla viva o axe O cd e otimo, e, e ao vivo se vc tiver por favor ponha ta . Alexandra

    ResponderExcluir
  3. UMA GRANDE BOSTA GERIATRICO OUT flavinha

    ResponderExcluir
  4. Belíssimo post, Sérjão.
    Tenho tudo do Love, banda que influenciou, inclusive, o deus supremo da guitarra Jimi Hendrix.
    Arthur Lee era um visionário.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Já, já outro álbum aniversariante. que influenciou meio mundo, Edson.
    Valeu a presença.

    ResponderExcluir
  6. vc vai por o grupu rapazolla cd viva o axe to esperando Alexandrs

    ResponderExcluir
  7. Amor, amor, se não fosse o amor não estaríamos aqui.
    Amor é a base d tudo.
    Love - Forever Changes, amo uma rumba, p dançar con mi chica.
    Violões, castanholas, pistons... olé!
    Não deixem o amor morrer!
    Obrigado, Sonico, baixei, gostei e dancei(literalmente hehehe).

    Abraços, Miguel, el hombre romantico

    ResponderExcluir
  8. Cara Pálida7/12/07 17:28

    Bom mesmo cara.
    Uma obra que temos de respeitar, nada de brega e de bosta, só mesmo quem não conhece música e tá afim de agitar pode dizer isso.
    Serjão, podes, por obséquio, colocar a relação dos integrantes e seus respectivos instrumentos e quem é quem na banda?
    O álbum original tem quantas faixas?
    Agradecido...

    ResponderExcluir
  9. Pô, cara pálida... Obrigado pelos elogios, mas... Ó só, faz o segunte: ao lado, na minha página, há links para os blogs que indico onde se baixa música e tbm se pesquisa sobre ela. Clique em ALL MUSIC. É o caminho das pedras, meu camarada, pra saber qualquer coisa sobre quase qualquer banda. Tem biografia, discografia, bandas que influenciaram, bandas que a banda em questão influenciou... Amigo, dá pra se espalhar!
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  10. Temos q admitir q o Cara-Pàlida tem razão.
    Mim gostar muito d 'Alone again or'.
    A versão do UFO é bem fiel a original.
    Valeu mesmo!

    Cacique Pena Cinza

    ResponderExcluir
  11. Isso aí Cacique! Índio Touro de Pé (e sempre alerta, porque Sentado é programa de índio perobo) também gosta muito de "Alone Again Or". Mas também acha incrível que essa seja a única música que emplacou numa obra tão fantástica como a do Love. Sigamos ouvindo e comentando.

    ResponderExcluir
  12. Grande banda do mestre Arthur Lee!! Tem que ter pescoço grande pra olhar pra longe!! Passa no meu blog e veja muitos venenos fora da rota babaqueira comercial.
    www.venenosdorock.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Valeu, Parcero. Já fui lá, comentei, frequentarei e vou adicionar link aqui.

    ResponderExcluir

Uma obra de arte é um ângulo apreciado
através de um temperamento.
(Emile Zola)