sábado, 20 de outubro de 2007

ARTHUR LEE - VINDICATOR



Arthur Lee (7 de março de 1945 Menphis/Tenesee – 3 de a agosto de 2006), foi o enigmático e volátil líder, compositor e guitarrista da lendária banda psicodélica Love, mais conhecida por seu triunfo sônico Forever Changes, de 1967.
Lee foi batizado de Arthur Lee Porter (ou Arthur Taylor Porter, dependendo da fonte). Sua família se mudou de Memphis para Los Angeles, California, quando ele era criança. Lee disse que foi exposto e inspirado por todos os tipos de música.
Ele era frequentemente comparado à Syd Barret e Roky Erickson (este último, aguardem). Barrett, durante sua breve carreira de pop star, conclamava aos quatro cantos que o Love era a principal influência de sua banda, o Pink Floyd.
Arthur morreu em Memphis vítima de leucemia.

Este álbum Vindicator (solo de Arthur Lee, 1972) é um achado. Até pra mim que vivo a perambular pelos blogs à procura da batida perfeita. É um disco de Rock and Roll maiúsculo. Daqueles que se dá graças por ter vivido para conhecer.

LINK RESTAURADO EM 01/02/2009

Arthur Lee Vindicator

7 comentários:

  1. E aí Sergio! Passei aqui para coferir o tão bem recomendado Arthur Lee. Lendo o seu texto me dei conta que ele não é tão desconhecido como eu achava, pois conheço e gosto do Love já faz alguns anos. Vou ouvir depois te conto.

    Abraço,
    WOODY

    ResponderExcluir
  2. sergio sônico23/10/07 15:08

    Per favore!!! Mais do que eu vc sabe: não gostou, lixeira nele! Mas Arthur Lee, em seu único disco solo no lixo...... é ruim, hein?!

    ResponderExcluir
  3. Cara é muito bom o som, mas não lembra em nada o Love, está muito mais para o blues do que para psicodelia. Bacana, gostei!

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. sergio sônico23/10/07 17:20

    Grande Woody! Eu sabia que ias urrar! Tenho um bootleg de uma apresentação de AL com JH, Jimi Hendrix. Mas o som (áudio) está oras sofrível, oras somente ruim. É claro q é um documento histórico, mas o som p/mim vale tudo, se quiser te passo.

    ResponderExcluir
  6. Carlos Alberto2/12/07 19:08

    Sérgio,

    Seguindo sua recomendação baixei e ouvi o Arthur Lee. Tremendo som!
    Recomendo a todos apreciadores de Blues, Rock e por que não Jimi Hendrix. Para mim um bebeu na fonte do outro.

    Carlos Albeto

    ResponderExcluir
  7. Eles (Hendrix e Lee) trabalharam juntos, Carlos. E eu tenho um bootleg de uma apresentação ao vivo dos dois, mais o áudio só vale como documento.

    Finalmente, mais um veio depois de semanas de insistentes apelos! Esse disco foi um de meus maiores achados, ano passado.
    Valeu!

    E é como falei no post do Traffic, cuidado pra não pisar nos cocôs que parecem começar a secar. É como tirar casca de ferida, volta a juntar mosca e periga infeccionar. Daí quem trata e tem que respirar o ar contaminado sou eu. Espero que tenhas entendido.
    Abrações!

    ResponderExcluir

Uma obra de arte é um ângulo apreciado
através de um temperamento.
(Emile Zola)