sexta-feira, 19 de outubro de 2007

O PRIMEIRO POST!

















Bem, tudo make de improviso pode ser interessante, também...
Para abrir o blog só álbuns de raros artistas dos 60/70’s pois, com isso, provamos quantos músicos fabulosos passaram desapercebidos durante tantos anos. E a Grande Rede, com a livre troca de figurinhas, faz a mágica de trazer-nos tudo à tona. A pergunta deixada com tal iniciativa de abertura é: alguém acha que essa profusão de talentos 60/70tistas não é, na mesma proporção ou ainda maior nos nossos dias? Portanto, nessa roda da fortuna desleal mercadológica que nos é imposta pela indústria fonográfica, não ficaríamos sem conhecer grandes talentos, muitas vezes maiores talentos, não fosse a possibilidade de podermos trocar informações sobre os artistas desconhecidos?

Se alguém pode perder algo com a virtual possibilidade, não será o artista. Ou melhor, reduzem-se sensivelmente, suas chance, se muito talento tiver, de permanecer no limbo. Por pior que seja sua sina (ou karma). Agora - como diria o bochechudo das tediosas tardes de domingo – “mais do que nunca” cedo ou tarde ele, o artista talentoso haverá ser encontrado!

Já, na outra ponta, se alguém tem mesmo algo a perder, este alguém é aquele que já ganhou uma incalculável fortuna decidindo por nós, quem deve e quem não deve ser descoberto. Agora, decidimos nós. Esse jogo deve ser aceito no sentido da busca pela música de qualidade, não mais aquela tipo goma de mascar com prazo brevíssimo de validade.

Enfim, panfletagens a parte, o negão aí da capa, o Darondo será o 1º pos musical. Atentem para a história desse senhor. Tudo a ver com o assunto...

Darondo - Let My People Go
Darondo é dasantiga, e foi um grande mistério durante anos.
Lançou 3 singles de qualidade, abriu uns shows de James Brown na época, mas sua gravadora não decolou e com isso ele também não.
O cara sumiu. Virou cafetão, depois, já nos anos 80, fez uns programas de tv a cabo: Darondo's Penthouse After Dark e Doze Comedy Videos.
E sumiu de novo. O maluco é uma figura! Em 2005, numa das muitas compilações do Gilles Peterson, o single "Didn't I" (lançado nos anos 70) foi incluído deixando muitos aficcionados curiosos sobre o paradeiro de Darondo. Várias pessoas começaram a procurar o cara, inclusive o próprio Gilles Peterson, Dj Shadow, entre outros. Até que um colecionador chamado Justin Torres, depois de anos, conseguiu localizar o louco. E o coroa ainda completamente sem noção de que, a essa altura, hordas de seguidores já estavam em seu encalço.

A Ubiquity (das melhores gravadoras da atualidade) resolveu gravar um disco do cara. Mandaram muito bem, como sempre!

Entrevista com o cara que (re)descobriu Darondo em:
http://magiablack.blogspot.com/2006_10_01_archive.html

LINK RESTAURADO:

darondo (let my people go)

13 comentários:

  1. Haha!! Viu só como é fácil! Não requer prática nem habilidade, qualquer criança brinca e se diverte!!!

    ResponderExcluir
  2. Cara, agora é que consegui escrever comentário. Pediu senha. Tive que sair apressado e deixei pra comentar depois, já que a senha foi vc que fez e eu não lembrava. Agora quero saber como libera esses comentários pra galera e tira esse impedimento de senha. Me ajuda buda!

    ResponderExcluir
  3. Agora não pediu senha nenhuma. Isso aqui é make doidjo, hein...

    ResponderExcluir
  4. De cara assim eu não sei.
    Mas está lá em algum lugar nas configurações. Vou olhar e te digo. Quanto a senha, tenho péssima memória e já não me lembro bem, por isso faça o favor de lembrar ou trocar por uma que vc lembre fácil.

    ResponderExcluir
  5. É simples, vá para o editor do blog e procure "Configurações", escolha "Comentários".
    Entres as opções, lá em baixo tem:

    Exibir uma confirmação de palavras para os comentários?
    Acione o NÃO. Salve as configurações e pronto.

    ResponderExcluir
  6. Grande Sergio...meu comentário sumiu...vou tentar de novo...

    ResponderExcluir
  7. Sergio...Mestre dos Mestres..texto genial.
    É a história de nossas vidas.
    As fitas k7, o Big Boy....perfeito.
    Fico orgulhoso de estar participando do seu Blog..e fazer parte desta história..afinal sou um pouquinho mais velho que vc....mas....Vc é o Cara !
    O Águia do Leblon

    ResponderExcluir
  8. Não vejo a hora da Confraria da Beirola das Terras Altas do Leblon estar navegando por aqui também......
    Um Brinde Sergio....Avestruz
    Muito Bom....
    O Águia

    ResponderExcluir
  9. sergio sônico23/10/07 17:26

    Grande Aguia Dourada! Finalmente apareceu! Entendi o que fizestes, foi até o fim da página e aí comentou até sobre o 1ª no espaço reservado ao último post. Mas saiba que há espaço para comentário em baixo de cada post, tá?

    Não tou zombando, nem reclamando, só informando. Tbm já fui de 1ª viagem, craro.

    Apareça sempre. A parada aqui é mais eficiente que o Itaú: 24 horas no ar!

    ResponderExcluir
  10. Sucesso seu Sergio.

    O Falcão d Campinas

    ResponderExcluir
  11. SERGIO SÔNICO25/10/07 21:06

    Obrigado, Seu Falcão. Apareça, prove dos variados sabores e tendências musicais e, claro, deixe sempre comentários.

    ResponderExcluir
  12. Agora baixei um. Beleza de som. Não conhecia. Mais uma novidade das "caixas supersonicas"

    valeu

    thorto (agora anonimo de verdade)

    ResponderExcluir
  13. SERGIO SÔNICO7/11/07 12:01

    Pô, Thorto... Boiei. Cês são flórida.

    Ps.: Inda bem que conseguiu baixar. Tem um monte de Black Music bótima na casa, vai a luta!
    Enquanto isso, nos comentários, dê outras pistas.

    ResponderExcluir

Uma obra de arte é um ângulo apreciado
através de um temperamento.
(Emile Zola)